Planejamento confirma confecção de folha suplementar até dia 15 de outubro com devolução integral de salários retidos de mais de 12 mil servidores


BSPF     -     29/09/2012




A coordenadora-geral de Negociação e Relações Sindicais, Edina Lima, informou ao secretário-geral da Condsef, Josemilton Costa, na tarde desta sexta-feira, que o Ministério do Planejamento promoverá a devolução integral de salários retidos de mais de 12 mil servidores até o dia 15 de outubro. 


Lima confirmou a confecção de folha suplementar atendendo à solicitação feita pela Condsef e suas filiadas. A coordenadora de Negociação e Relações Sindicais disse ainda que a confecção da folha suplementar deve acontecer logo após a homologação dos termos de reposição que já estão com o Planejamento para análise desde a semana passada.

Lima já havia informado que na próxima semana chamaria a Condsef para formalizar os termos de reposição e solucionar de vez a questão da devolução dos salários retidos de milhares de servidores que promoveram uma greve legítima. 


Esta foi a primeira vez na história que um governo manda cortar integralmente o salário de servidores em greve, o que foi considerada uma atitude grave uma vez que milhares de servidores ficaram com sua segurança alimentar de suas família totalmente comprometida.  

Por isso, a Condsef voltou a lembrar a importância de que os salários sejam devolvidos com urgência.

Para a Condsef, o governo não pode deixar os servidores – que já estão cumprindo sua parte e repondo tarefas represadas – sem seus salários para honrar compromissos e alimentar suas famílias. 


A entidade vai continuar insistindo junto ao Planejamento para que a solução imediata desta situação aconteça no máximo até o dia 15 de outubro.

Fonte: Condsef



Compartilhe
Notícia Anterior
Próxima Notícia