Estabilidade de servidor poderá ser condicionada a avaliação da população


BSPF     -     10/12/2019




O ministro da Economia, Paulo Guedes, apresentou nesta segunda-feira (9) a intenção de que a estabilidade do servidor público no cargo só seja concedida se a população avaliar positivamente as atividades desempenhadas pelo funcionário aprovado em concurso.

A apresentação da reforma administrativa, que tem o objetivo de reformular carreiras e salários no funcionalismo público, está prevista para 2020.

De acordo com Guedes, é preciso analisar se o funcionário realmente atende bem a população.

“Assim que ele acabou de fazer um serviço, pode ser para tirar uma carteira de identidade, de motorista ou ser atendido para tirar dúvidas a respeito de sua aposentadoria, quando a pessoa sai, ela aperta um dos três botões: o verde, bem atendido, o amarelo, serviço normal, ou o vermelho, pessimamente atendido.”

Segundo o ministro, se houver avaliação positiva dos cidadãos, além de um retorno favorável dos chefes imediatos e funcionários experientes, a estabilidade poderá ser concedida.

“Tem que passar nessa peneira, tem que ser avaliado para não ficar com essa imagem que o serviço público fica de que o cara não quer nada porque tem estabilidade no emprego, tem um salário muito alto, está garantido na aposentadoria, não está nem aí, maltrata a gente. A reclamação da opinião pública é essa”, disse o ministro.

Fonte: Anasps Online


Compartilhe
Notícia Anterior
Próxima Notícia